facebook.png
logo.png
logo.png

Notícias

Política - 14/08/14 13:28:00
  • 5º Comando Regional de Bombeiros recebe homenagem do Legislativo caxiense

  • Os 40 anos de atuação do 5º Comando Regional de Bombeiros (CRB) foram reverenciados pela Câmara Municipal de Caxias do Sul, durante a sessão plenária desta quarta-feira, dia 13. A homenagem foi conduzida pelo presidente da Casa, Gustavo Toigo. O vereador Zoraido Silva/PTB, que já foi bombeiro no período de 1969 a 1974, se manifestou em nome do Legislativo.

    O parlamentar recordou a trajetória do CRB, cuja fundação ocorreu em 13 de agosto de 1974. Além de mencionar números de atendimentos prestados pelos bombeiros, Zoraido explicou que a unidade se articula em três subgrupamentos e atende a 48 municípios do Nordeste gaúcho. Em termos de efetivo, dispõe de 220 bombeiros. Desse total, 77 atuam em Caxias do Sul. Quanto às funções do CRB, destacam-se: exercício de prevenção e combate a incêndios; busca e salvamento; e defesa civil. Entre os objetivos do trabalho dos bombeiros está proporcionar confiança e qualidade de vida aos moradores da Serra.

    À frente do 5º CRB, o tenente-coronel Cleber Valinodo Pereira agradeceu pela homenagem do Legislativo e destacou o empenho de todos os bombeiros da corporação. “De nada adianta termos sistemas integrados, se não tivermos pessoas preparadas para fazerem um bom trabalho. A equipe de bombeiros construiu uma história de excelência e, por isso, esta homenagem está ocorrendo hoje”, ressaltou.

    Mesmo com efetivo abaixo do necessário, com uma defasagem de 45%, Pereira relata que os bombeiros mostram esforço e não ficam de braços cruzados. Procuram buscar recursos e trabalhar bastante na prevenção. “Quando assumi, há cerca de três meses, tínhamos atraso na análise dos planos de prevenção. Hoje, já temos tudo regularizado”, comemora. Segundo Pereira, as mudanças na legislação que trata da prevenção e combate a incêndio pegaram de surpresa todos os segmentos envolvidos, incluindo os bombeiros. O comandante também informou que, a partir de meados de 2016, o Corpo de Bombeiros será desvinculado da Brigada Militar e deverá ter nova nomenclatura.

    Foto: Luiz Carlos Erbes