facebook.png
logo.png
logo.png

Notícias

Política - 23/12/16 08:25:00
  • Mais de quatro mil imóveis foram registrados no Cadastro Ambiental Rural

  • O Prefeito Alceu Barbosa Velho recebeu na tarde desta quinta-feira (22) o relatório final com os dados completos, por região, do Cadastro Ambiental Rural (CAR) do Município.  Conforme os levantamentos, foram cadastrados 4.062 imóveis rurais, nos sete distritos de Caxias. O período de execução do trabalho foi de 16 meses. A elaboração do CAR totaliza um investimento na ordem de R$ 1,8 milhão e faz parte dos programas previstos no Plano Municipal da Mata Atlântica (PMMA). O recurso é oriundo do Fundo Municipal de Defesa do Meio Ambiente (FUNDEMA), tendo os projetos sido aprovados pelo Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (COMDEMA), com a coordenação da Secretaria Municipal do Meio Ambiente  (SEMMA).

    O Prefeito Alceu Barbosa Velho ressaltou o trabalho em equipe e agradeceu o apoio e a dedicação de todos que participaram do Cadastro Ambiental Rural. “O que aconteceu no meio ambiente de Caxias do Sul nesse período é um marco histórico. Fomos reconhecidos nacionalmente por esse trabalho, que foi executado com a ajuda de muitas mãos. Foi um investimento muito importante que fizemos na área rural em benefício dos agricultores para o desenvolvimento da nossa cidade. Agora fico na torcida para que esse trabalho continue e seja valorizado. Caxias é grande devido ao trabalho e à dedicação do seu povo”.


    O Cadastro Ambiental Rural (CAR) é um levantamento qualitativo das propriedades rurais do Município, algo como a carteira de identidade da propriedade, visando um efetivo zoneamento ambiental (rural). Para a execução do projeto, a Secretaria do Meio Ambiente (SEMMA) elaborou uma cartilha orientativa do CAR para facilitar a compreensão dos proprietários. Também foram realizadas 25 reuniões preparatórias que envolveram 1.964 agricultores de todo o interior de Caxias do Sul. O resultado do CAR mostrou que 85% dos imóveis rurais cadastrados apresentam a Reserva Legal em conformidade com o Código Florestal.
     
    Foto: Rafael Lopes