No AR:

facebook.png
logo.png
logo.png

Notícias

Economia - 22/09/15 14:55:00
  • Mineração gaúcha se preocupa com o possível aumento do ICMS

  • O projeto que visa aumentar impostos, inclusive o Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) está preocupando o setor de mineração do Estado. Segundo o Presidente da Associação Gaúcha dos Produtores de Brita, Areia e Saibro (Agabritas) e do Sindicato da Indústria da Mineração de Brita, Areia e Saibro do Estado do Rio Grande do Sul (Sindibritas), Pedro Antônio Reginato, toda a sociedade sentirá a mudança de alíquota, caso a medida seja aprovada pelo Governo, acém de afirmar que os aumentos não devem resolver os problemas do Rio Grande do Sul. “Somos totalmente contra o aumento de impostos, pois isso vai onerar em toda a cadeia produtiva. Estes custos serão repassados ao consumidor. Nosso setor já está sentindo os cortes em investimentos do Governo Federal e no Governo Estadual em obras. A mineração é muito importante para o desenvolvimento e para a infraestrutura e estamos receosos de mais uma elevação dos impostos”, declara Reginato.
    O presidente das entidades destaca que a mineração gaúcha aumentou o valor dos insumos em aproximadamente 30%, em comparação com os valores cobrados em 2014. Duas soluções defendidas por Pedro Reginato é a desestatização da economia e a interferência mínima do Estado na iniciativa privada.