facebook.png
logo.png
logo.png

Notícias

Segurança - 05/01/15 15:36:00
  • Empresário assassinado foi sepultado neste domingo (04)

  • O gerente de produção, Ivanildo José Araldi, 43 anos, que havia sido supostamente sequestrado, em Caxias do Sul, foi encontrado morto na manhã de sábado (03), em Flores da Cunha.

    Por volta das 18h do dia 11 de dezembro de 2014, Araldi chegava em casa na rua Sátira Antunes Padilha, Loteamento Paiquerê, dirigindo seu veículo Ford Ecosport, quando teria sido rendido por dois homens, um deles armado e usando touca ninja.

    Ele foi colocado no banco traseiro do próprio veículo e levado pelos criminosos, e desde então estava desaparecido. O veículo foi encontrado depenado dois dias depois de seu desaparecimento, dia 13, em São Leopoldo.

    O corpo da vítima foi encontrado, por um agricultor, em adiantado estado de decomposição num barranco na Estrada Velha de Flores da Cunha, nas proximidades da Sede do Sindicado dos Comerciários.

    Durante o tempo que esteve desaparecido ninguém entrou em contato com a família para pedir resgate.
    O sepultamento de Araldi aconteceu às 10h deste domingo (04), no Cemitério Municipal Santa Clara, em Vacaria. Não houve velório.

    A Brigada Militrar de Caxias prendeu o suspeito do homicídio do empresário Araldi na tarde desta segunda-feira, 05 de janeiro. Mais informações no Jornal de Caxias, às 20 horas.